Serqet

srqt ou Serqet (“Aquela que Respira”) ou ainda srqt Htyt, Serqet Hetyt (“Aquela que respira ar na garganta”) é uma divindade que normalmente é representada com um escorpião na cabeça ou na forma de um escorpião com cabeça de mulher. O escorpião é uma animal diretamente ligado a maternidade (por carregar seus filhotes em cima das costas) e também à Magia (devido ao seu veneno poderoso).

Junto de Aset, Nit e Nebt-het, Ela é uma das protetoras dos vasos canopos, protegendo os intestinos do morto junto de Qebshenef e também realiza o papel de uma das divindades protetoras do Duat, garantindo a proteção do Reino dos Mortos e do percurso do morto até o salão de julgamento das Duas Ma’ati.

O nome de Serqet se refere aos seus papeis como divindade benevolente e malévola. “Respirar ar na garganta” se refere tanto aos ventos que proporcionam vida para os humanos quanto ao veneno do escorpião que faz com que a garganta incha e a pessoa sufoque. Dessa forma Ela é muito comum de ser invocada em Hekau de desintoxicação e afastamento de animais peçonhentos e de maldições para causar o envenenamento de alguém.

Serqet aparece em diversos textos sagrados relacionados a proteção de Heru-sa-Aset onde Ela surge para auxiliar Aset em sua jornada ou Aset toma a forma dela e Serqet também é a narradora de um mito envolvendo Aset criando uma serpente que envenena o Netjer solar Rá. E assim temos Serqet como um aspecto e manifestação de Aset e seu culto aspectado data a partir da 18ª dinastia – porém alguns historiadores afirmam existir antes mesmo desta época – especialmente na Núbia e em regiões próximas.

DUA SERQET!

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close